quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Projeto “Cantando a Gente Brinca, Brincando a Gente Aprende”

Projeto “Cantando a Gente Brinca, Brincando a Gente Aprende”


Agrupamento: Berçário 06 meses a 1 anos
                                                        

JUSTIFICATIVA:
Durante o trabalho realizado na turma do agrupamento A Berçário , percebemos o grande interesse que os bebês têm por sons e músicas. Em todos os momentos que estão brincando sempre estão batendo palmas, batendo um objeto no outro ou emitindo sons com a boca como se estivesse cantando. Ao assistirem o DVd da Galinha Pintadinha, batem palmas e sacodem os pés quando aparecem as imagens das musicas. Partindo dessas observações nasceu o projeto: “Cantando a Gente Brinca, Brincando a Gente Aprende”. Por meio desse projeto, queremos ampliar o repertório musical dos bebês, oportunizando diferentes atividades de  expressão e comunicação oral, facilitando o processo de socialização.
   Através do projeto ““Cantando a Gente Brinca, Brincando a Gente Aprende”.” ofereceremos às crianças do Agrupamento A, a oportunidade de descobrir através da música, sua agilidade, força física e a possibilidade de novas experiências, permitindo-lhes conhecer funções de seu corpo, explorando as diversas formas sonoras de expressar e comunicar sensações.
   
OBJETIVO GERAL:

Atividades que estimulem e permitam um contato direto e indireto dos bebês com sons em geral.

OBJETIVOS:
*                   Ouvir, perceber e discriminar materiais sonoros diversos, fontes sonoras e produções musicais;
*                   Brincar com a música, imitar, inventar e reproduzir criações musicais;
*                   Expressar sensações e sentimentos por meio das brincadeiras com a música
*                   Construir instrumentos musicais a partir de sucatas
*                   Conhecer os sons de diferentes tipos de instrumentos musicais
*                   Estimular a percepção visual, tátil e auditiva.
*                   Explorar diferentes gêneros e ritmos musicais


INTRODUÇÃO:
     A música possui um papel importante na educação das crianças. Ela pode contribuir para o desenvolvimento psicomotor, sócio afetivo, cognitivo e linguístico, é facilitadora do processo de construção e ampliação do conhecimento e favorece o desenvolvimento da sensibilidade, da criatividade, do senso rítmico, do prazer de ouvir música, da imaginação, da memória, da concentração e da atenção. O ritmo das canções incentiva as crianças ao movimento, à maior atividade cerebral, além de despertar o gosto de cantar, dançar e melhorar ou acelerar o seu desenvolvimento educacional.
      Nos primeiros anos, a prática musical poderá ocorrer por meio de atividades lúdicas. O professor estará contribuindo para o desenvolvimento da percepção e atenção dos bebês quando canta para eles, produz sons vocais diversos por meio da imitação de vozes de animais, ruídos, sons corporais, embalos e dança com as crianças.
A música está sempre presente no nosso dia a dia. Ela faz parte da rotina, referenciando as atividades e embalando as atividades corporais, permitindo uma maior plenitude de movimentos.

CONTEÚDOS:

IDENTIDADE E AUTONOMIA.
*                   Eu e o outro
*                   Comunicação e expressão: corporal e oral
*                   Repouso

ARTES VISUAIS.
*                   Exploração de materiais

MÚSICA.
*                   Canto
*                   Linguagem musical
*                   Ritmos e gêneros musicais

CORPO E MOVIMENTO
*                   Expressividade

MÚLTIPLAS LINGUAGENS
*                   Oral
*                   Musical
*                   Artística
*                   corporal

METODOLOGIA (ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS):
*                   Selecionar músicas infantis e gravar um cd para cada criança.
*                   Escolher  músicas para confeccionar para trabalhar com diferentes tipos de materiais como  tinta guache e dobraduras .
*                   Confeccionar um móbile para a sala com os instrumentos.
*                   Músicas com gestos: Parabéns pra você, jacaré, borboletinha, seu Noé.
*                   Música para hora do banho..
*                   Convidar alguém para cantar e tocar violão para as crianças.
*                   Dvds de músicas para receber os bebês   (Xuxa Só Para Baixinhos, Bebê Mais Musicas, Cocoricó e Galinha Pintadinha).
*                   Produzir sons com diferentes partes do corpo.( palmas, estalos de língua e dedos).
*                   Utilizar a bandinha do CMEI para mostrar diferentes tipos de instrumentos musicais;

Relato das atividades realizadas durante o projeto:

Iniciamos nosso projeto: “Cantando a Gente Brinca, Brincando a Gente Aprende”  trabalhando instrumentos musicais . Todos os dias antes de iniciarmos as atividades propostas  cantávamos musicas como pintinho amarelinho, loja do mestre André, Não atire o pão no gato para os bebês, os quais gostam muito, sacudindo as mãozinhas o pés e até a cabecinha fazendo uso explicito da linguagem corporal, diante disso passamos a usar instrumentos musicais tais como  chocalhos e reco-reco e tambor , eles amavam participar desse forma e ficaram felizes quando as professoras sacudiram os chocalho, nesse momentos eles demostraram sua  felicidade   fazendo sons com a boca como se estivessem cantando. Notamos nesse momento a interação de todos e o interesse de estar em rodinha cantado com os coleguinhas.

  
Para a educadora musical Teca Alencar de Brito, a criança está sempre interagindo com o ambiente sonoro que a cerca e consequentemente, com a música. A autora considera que desde o berço a criança começa seu processo de musicalização, através do contato com sons do cotidiano, incluindo a música.
            “Neste sentido, as cantigas de ninar, as canções de roda, as parlendas e todo tipo de jogo musical tem grande importância, pois é através dessas interações que os bebês desenvolvem um repertório que lhes permitirá comunicar-se pelos sons (Brito, 2003, p.35)”.
            Teca Alencar de Brito (2003) também explica que esse envolvimento  da criança pequena com a música, proporcionando momentos de comunicação e troca, favorece o desenvolvimento afetivo, cognitivo, bem como a criação de vínculos fortes tanto com os adultos quanto com a música. Observamos muito isso nos momento de roda de musica , quando sentávamos e começávamos a cantar os bebês vinha até nos e no observam cantando e fazendo gestos os que mais gostavam desses momentos era a Beatriz, o Heitor, o Enzo, a Marilia , o Samuel, Noah e o Davi, interagiam sempre principalmente na musica Pintinho Amarelinho e tra-la-la.
O que priorizamos nesse projeto, foi  oportunizar o contato com diferentes sons, ritmos e melodias, explorando os movimentos e as sensações do corpo, através de uma ação pedagógica musical, proporcionando momentos de alegria que possibilitaram um melhor desenvolvimento dos bebês promover a socialização, a autoestima e o desenvolvimento da coordenação rítmica. Queremos também, contribuir para o desenvolvimento da consciência corporal da criança; descriminar Som e Silêncio; conhecer algumas canções utilizando os sons dos instrumentos musicais; sensibilizar os bebês pelo gosto musical; criar condições para que eles possam refletir e  entender a música como fonte de prazer e conhecimento; estimular a criatividade, a percepção, a coordenação e o convívio social deles; desenvolver a discriminação auditiva.

Notamos também que cada bebê deu preferencia a um instrumento musical  Arthur  e Heitor tiveram preferência pelo tambor e por chocalhos , ao confeccionarmos chocalhos com garrafas pet e fizemos um mobile, eles se encantaram com tanta cor e barulho, e ficavam quase o tempo todo brincando com os chocalhos que colocamos em um móbile na sala, se divertindo com os sons e movimentos contemplando o nosso projeto. Anna Julia e Davi Augusto demoram para entender os sons que os objetos emitiam , mas quando entenderam passavam um bom tento sacudindo o mobile . Enquanto a Noah , Miguel e Marilia não podiam ver um musica tocando que pegavam o chocalho do mobílie e balançavam entendendo que o som que saia do chocalho era compatível a musica do DVD.

Trabalhamos atividades musicais como Pintinho amarelinho , Galinha pintadinha, A canoa Virou , indiozinho, Borboletinha, a minhoquinha e o leão,  e o Avião  com o carimbo das mão , pés e dobraduras, notamos que os bebê além de sentirem a textura da tinta nas mãos e nos pé acharam  engraçado e diferente. O detalhe importante que devemos ressaltar foi ao mostramos a musica O Avião, o movimento que essa musica proporciona de subir, descer, voar e aterrissar, utiliza-se muitos movimentos, a qual levamos em consideração  a linguagem corporal, notamos que o Heitor, Marilia, Noah, Samuel e João Pedro fizeram corretamente os movimentos dessas musica fazendo ligação da musica a esse tipo de linguagem. Ao utilizarmos essas musicas, ampliamos novas descobertas  também com o uso da tinta, observando que ela era  fria , molhada, notamos isso,  pois os bebês abriam e fecham as mãos sentindo a textura da  mesma.  Todas essas atividades foram feita de forma tão prazerosa que todas as vezes que pegávamos a tinta , o pincel ou o papel eles vinham correndo ate nos e começavam a bate a mãozinha na mesa como se entendessem que era hora da atividade. Ao finalizarmos,  alguns como Heitor , Beatriz, Davi Enzo, Samuel e Arthur iam ate atividade pregada na parede e batiam a mãozinha,  balbuciando a musica cantada naquela atividade

Finalizamos o projeto convidando o Flavio Henrique o pai do Samuel , o qual trouxe o violão para a salinha e tocou lindas canções de roda juntamente com as professoras do agrupamento e os bebês, Samuel gostou muito da presença do pai , não saiu um segundo do lado dele , o Noah, o João Pedro, o Heitor e a Marilia ficaram fascinados com o violão e queria pegar , passar a mão e colocar na boca, fazendo uso da linguagem oral também. Durante as canções os bebês ficaram ligados na cena observando , batendo palminhas e balançando a cabeça mostrando que aquele momento estava sendo prazeroso para eles

Em fim ,  projeto contribuiu para a integração e ampliação do vocabulário e possibilitou o desenvolvimento da percepção auditiva. Reconhecendo alguns sons dos instrumentos musicais, utilizando musicas e brincadeiras. Notamos também que ao cantarmos uma musica ou quando eles ouvem um musica no Dvd, param , observam, dançam e sorriem , pois a musica para ele agora tem significado. Heitor, Beatriz , Enzo e Davi  mal ouvem a musica pintinho amarelinho que fazem os gestos com as mãos , Samuel, João Paulo e João Pedro adoram o tra-la-la por causa dos movimentos com as mãos , Anna Julia , Noah e Marilia gosta da musica da aranha por ter um ritmo fank. Estamos satisfeita com o trabalho, pois tem contribuído muito para o desenvolvimento do nosso agrupamento.

AVALIAÇÃO:

O que mais se destacou na turma do agrupamento A em relação ao trabalho de Musicalização através da brincadeira foi a exploração dos instrumentos: as crianças demonstraram muita curiosidade notamos isso ao vê-los colocando na boca, tentando abrir para ver o que tinha dentro , sacudindo o instrumento e ouvido o som. Em fim ,  o projeto contribuiu para a integração e ampliação de novas descobertas e possibilitou o desenvolvimento da percepção auditiva. Às crianças foram proporcionados o  acesso a alguns  instrumentos musicais, utilizamos musicas, historias e brincadeiras em que todos participaram atentamente .  Eles demostraram interesse  e prazer em ouvir musica,  perceberam  variações de sons como rápido e lento , sons de animais (galinha, cachorro e gato) e de instrumentos .  Fizeram movimentos com o corpo demostrando ritmo e equilíbrio. Estamos  satisfeitas com os resultados , hoje nossos bebês  ao ouvi uma música já sacodem  as mãozinha, vão até a Tv e ficam dançando ao som dos dvds , pegam alguns instrumentos musicais e já identificam como objetos de som e isso graças a projeto e o empenho de todos .
Satisfeitas com o desenvolvimento das crianças , em relação as atividades propostas com o nosso projeto, avaliamos  que a musicalização na educação infantil , mas especificamente no berçário possibilitou aos bebês refletir e entender a musica como fonte de prazer e conhecimento.
Nossos objetivos elencados foram realizados, estimulando a percepção , o movimento, a coordenação e o convívio social  da criança de forma prazerosa que a musica oferece.








REFERÊNCIA BIOGRAFICAS

Música na Educação Infantil - Teca Alencar de Brito Música na educação infantil:  propostas para a formação
Integral da criança; SP: Peirópolis, 2003
BRITO, Teca Alencar de. “Música”. In: BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto.
Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Vol.3. Brasília, MEC/ SEF, 1998. p.45-79. 


Um comentário:

Este blog foi criado para trocar idéias e compartilhar saberes. Que bom que você passou por aqui se desejar deixe um recadinho...
E desde então, sou porque tu és
E desde então és
sou e somos...
E por amor
Serei... Serás...Seremos...
Pablo Neruda
OBRIGADA PELA LEITURA...

Poderá também gostar de:

Related Posts with Thumbnails

Windows Live Messenger + Facebook